Pilates vai além das poses acrobáticas de Instagram

O Pilates é acessível a todos, haja vista que a prática envolve conhecimentos de consciência corporal e concentração. A surpresa para algumas pessoas é descobrir que o método não é pose para Instagram.

Concentração, controle, precisão, fluidez, centralização e respiração. Isso não se aplica com qualidade de uma hora para outra. É preciso treinar com atenção no que se está fazendo. É você e seu corpo. Se você trapacear, será justamente trapacear seu corpo. Se você for honesto consigo mesmo, vai perceber os benefícios da prática.

É um método democrático, visto que todos podem fazer. Isso que dizer que atletas podem fazer? Sim. Adolescentes? Sim. Grávidas? Sim. Idosos? Sim.

Pilates não é só para quem tem recomendação médica. Você pode fazer musculação e também fazer Pilates, pois os objetivos são diferentes. Pode praticar natação e também Pilates. Pode fazer dança de salão e também Pilates. Pode fazer nada e também fazer Pilates. Que incrível!

O objetivo deste artigo não é descrever benefícios da prática apenas. Aqui no Presttention você encontra outras matérias sobre o método. Este é um artigo de opinião da vivência de uma acadêmica de Fisioterapia que concluiu, neste último domingo, o segundo módulo do Curso de Pilates.

Percebi o quanto o método é importante e tem resultados efetivos em pouco tempo da prática. Que mais pessoas podem ter acesso aos seus benefícios. Afinal, qualidade de vida é um direito de toda pessoa. Qualidade para sentar e levantar sem dificuldades, para pegar algum objeto na prateleira, para conseguir amarrar os cabelos sem dor nas articulações, etc.

Ana Célia Costa

Acadêmica de Fisioterapia

Jornalista (DRT 326)

Capacitação para escolher um bom curso de Pilates

Acadêmicos e profissionais da Fisioterapia/Educação Física que procuram um curso de Pilates também pode estudar como escolher e quais são os melhores requisitos para essa capacitação na área. A ideia é das empreendedoras do Studio Flex, Carolina Nóbrega e Daliane Barbosa. Elas são as criadoras da Jornada DEEP PILATES, que será realizada no dias 03, 04 e 05/11, às 20h, no formato on-line e totalmente gratuita.

Segundo informações do artigo “Comparação dos aspectos da autoimagem e domínios da qualidade de vida em idosos praticantes e não praticantes de Pilates em Curitiba, Paraná”:

“A prática de exercícios físicos sem atenção plena leva ao declínio da consciência corporal na vida adulta e idosa, sendo que Joseph Pilates pensava que somente por meio de uma boa educação corporal é que seria possível corrigir os maus hábitos. Por isso, é importante que a educação em consciência corporal seja trabalhada desde cedo, para que ocorra o desenvolvimento uniforme do corpo, vitalidade e maior qualidade de vida no envelhecimento. O praticante do método Pilates aprende a sentir seus movimentos, a ter autopercepção corporal ao executá-los e explorar variações ao mover-se.”

Programação:

Episódio 1: Pilates – O que é e para quem é.
03 de Novembro (Quinta-feira) 12h (Horário de Brasília)

Episódio 2: Como fazê-lo mesmo sem aparelho e o mínimo de investimento.
04 de Novembro (Sexta-feira) 12h (Horário de Brasília)

Episódio 3: O primeiro passo para o ser o MELHOR PROFESSOR – Biomecânica.
05 de Novembro (Sábado) 12h (Horário de Brasília)

Como é realizada a inscrição?

Clique aqui.

Ana Célia Costa

Acadêmica de Fisioterapia

Jornalista (DRT 326)