Como fazer a reeducação alimentar?

O processo de inserção de alimentos saudáveis deve ser feito via orientação de um profissional da Nutrição. Essas e outras orientações foram feitas pela nutricionista Leuci Souza, na live desta semana no instagram do Presttention.

“O ideal não é cortar alimentos. É diminuir o consumo. Bono, Dóritos têm realçador de sabor. Todos eles vão viciar. Então, o certo diminuir a quantidade. Se o paciente come isso todos os dias, então, vamos diminuir para uma ou duas vezes por semana”, informou Leuci Souza.

É errado comer o tradicional pão francês? “Não é problema comer um pão francês. O problema é comer dez. Além disso, é preciso olhar o rótulo dos alimentos. É preciso olhar se no caso do pão integral, a farinha de trigo integral é o primeiro ingrediente”.

Veja o vídeo da gravação e compartilhe com seus contatos:

Outro alerta feito por Leuci Souza foi em relação ao exercício da profissão de nutricionista e sobre o perigo de tomar chás para emagrecer sem orientação alguma.

Presttention!

Alimentação saudável ajuda a proteger contra diabetes, AVC, câncer e outras doenças

Na próxima segunda-feira (11/04), tem live sobre reeducação alimentar no Instagram do Presttention com a nutricionista Leuci Souza.

A alimentação é uma questão de saúde pública. Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS):

  • Uma alimentação saudável ajuda a proteger contra a má nutrição em todas as suas formas, bem como contra as doenças crônicas não transmissíveis, entre elas diabetes, doenças cardiovasculares, AVC e câncer.
  • A alimentação não saudável e a falta de atividade física são os principais riscos globais para a saúde.
  • Os Estados Membros da Organização Mundial de Saúde (OMS) concordaram em reduzir a ingestão de sal da população mundial em 30% até 2025. Também concordaram em deter o aumento do diabetes e da obesidade entre adultos e adolescentes, bem como o sobrepeso durante a infância até 2025 (9, 10).

Presttention!